fechar
Usos e contra-indicações

Como escolher o óleo CBD?

chore o cbd

Considerado a próxima grande solução para muitas doenças, como dor crônica, ansiedade, depressão, insônia, entre outras, o óleo CBD está rapidamente ganhando popularidade no mundo médico. Com a pesquisa em andamento sobre o potencial terapêutico do óleo CBD e as leis rígidas das plantas de cannabis se tornando mais relaxadas nos países, a indústria médica está tentando explorar outras maneiras pelas quais as plantas de cannabis podem nos ajudar.

Embora o uso de CBD tenha sido legalizado apenas para fins médicos, os médicos atualmente aconselham o consumo de óleo de cannabis para o tratamento de muitos problemas de saúde.

Ultimamente, os mercados têm sido inundados com produtos ricos em CBD. A escolha de uma ampla gama de produtos é boa para o cliente, mas, em última análise, também pode confundir as pessoas e dificultar a seleção dos produtos mais adequados. Esta é a razão pela qual as pessoas se queixam de que não foram capazes de obter os benefícios ideais reivindicados pelos especialistas médicos.

Se os especialistas acreditarem, o óleo CBD e os produtos de canabidiol juntos representam mais de US $ 12 bilhões no mercado. E a única razão para esse boom é que se acredita que o óleo CBD também pode tratar muitas outras doenças crônicas.

O CBD vem em várias formas - cápsulas, extratos, infusões de mel, comestíveis, unguentos tópicos, óleo e muito mais. Com tantos produtos no mercado, existem inúmeras empresas e varejistas que utilizam técnicas de baixa extração, o que tende a afetar negativamente a qualidade do óleo CBD.

A redução da potência do CBD é a razão pela qual os benefícios esperados não estão sendo alcançados pelos pacientes.
Ao adquirir um produto de CBD, é necessário ter muito cuidado na seleção para obter o máximo benefício que este produto possui. Aqui estão algumas coisas a serem consideradas em sua próxima compra.

1. Escolha uma concentração apropriada de CBD

Os produtos de óleo CBD, como o avanço da dosagem de cápsulas em frascos conta-gotas, estão disponíveis em uma variedade de dosagens. A concentração de CBD contida nessa cápsula ou frasco costuma estar listada na embalagem.

Pode variar desde ser medido em mg - 250 mg, 500 mg por 1000 mg até ser especificado como concentração percentual - 4%, 10% ou 20% de canabidiol (CBD). Quanto maior a dose de CBD, mais eficaz será.

No entanto, começar com óleo CBD altamente concentrado não é recomendado.
Na verdade, deve-se começar com uma dose baixa a moderada de CBD, que pode ser aumentada conforme necessário - se necessário.

A dose de CBD pode ser ajustada ao longo de vários dias ou semanas após observação cuidadosa dos efeitos. Caso uma pessoa não obtenha os efeitos de acordo com a exigência, a dosagem deve ser aumentada. Só depois de alguns ajustes e observando os efeitos é que você finalmente saberá qual a melhor concentração de óleo de CBD para você.

2. Custo por dose de óleo CBD

Outro fator importante a se considerar antes de comprar óleo CBD é o custo de cada dose. Depois de ser capaz de determinar a quantidade certa de dose de óleo CBD para você, é necessário entender se mudar para uma concentração mais alta de óleo CBD economiza dinheiro a longo prazo ou não.

Os óleos com maior concentração de CBD são francamente muito mais caros, mas deve-se observar que eles oferecem mais benefícios e podem ser lucrativos no que diz respeito à vida útil do produto. Considere, por exemplo, comprar um frasco de 1000 mg de óleo CBD custará menos do que você gastaria comprando dois frascos de 500 mg cada.

3. Qual escolher - óleo de CBD de espectro total ou isolado de CBD?

O CBD é amplamente classificado em dois tipos: óleo de espectro total e aqueles feitos de isolados ou cristais de CBD quase puros. O óleo CBD de espectro total é conhecido por conter muitos compostos ativos além do CBD.

Algum tempo atrás, o óleo isolado de CBD era procurado como o padrão para os efeitos da cannabis não psicoativa. Mas com a pesquisa científica sobre o potencial terapêutico da cannabis, concluiu-se que o óleo CBD de espectro completo pode fornecer muitos benefícios que não podem ser fornecidos pelo CBD em sua forma isolada.

Diz-se que os óleos de CBD de espectro completo contêm canabinóides como CBL, CBN, flavonóides e outros compostos aromáticos também conhecidos como terpenos, como limoneno e pineno. Esses compostos funcionam com o óleo CBD por meio de um processo natural denominado “efeito de entourage”.

Quando vários componentes da planta da maconha se juntam, interagem com o corpo humano e produzem um forte efeito positivo que beneficia - um efeito mais forte do que aquele que um composto pode causar sozinho, esse fenômeno sinérgico é chamado de efeito de entourage.

Qual óleo CBD é a escolha mais adequada para você?

Você pode escolher um dos dois - óleo CBD feito de cristais isolados de CBD ou óleo CBD de espectro total - a escolha é totalmente sua. Embora o petróleo de espectro total domine atualmente a indústria, os dois tipos de óleos oferecem vantagens. Os fabricantes geralmente especificam na página do produto ou na embalagem do produto se é um óleo de espectro completo ou não. Ter informações completas sobre os diferentes tipos de óleos CBD é a chave para escolher o certo para você.

4. Óleo, cápsulas ou vapor?

Embora seja crucial escolher entre óleo CBD de espectro total ou CBD em sua forma isolada, também é importante escolher a forma correta de consumi-lo. A disponibilidade de óleos CBD varia amplamente.

Após serem vendidas em frasco conta-gotas preto que permite a administração sublingual, existem cápsulas de CBD prontamente disponíveis. Portanto, basta colocar uma ou duas gotas de óleo CBD do conta-gotas diretamente na língua e ele pode entrar na corrente sanguínea de forma eficaz.

Ao consumir o CBD por meio de cápsulas, você pode ter certeza de que está mantendo o controle sobre a dose controlada de CBD de uma maneira muito discreta. Às vezes, as pessoas também gostam de inalar óleo CBD usando um vaporizador. Embora possa ser uma maneira conveniente e fácil de consumir óleo, pode afetar nosso sistema drasticamente. Diferentes maneiras de consumir CBD ajudam você a entender o que funciona melhor para você.

5. Escolha uma marca confiável

Enquanto você está se perguntando se deve comprar óleo de CBD de espectro total ou um óleo isolado, você deve ter cuidado para não comprá-lo apenas de uma empresa respeitável. Uma marca bem conhecida pode garantir a você o melhor em qualidade e autenticidade do produto por todos os meios.

Desta forma, ficará mais fácil navegar pelas experiências e opiniões das pessoas sobre os produtos disponibilizados por esta empresa. Conversar com outros clientes que já usaram a mesma marca pode ajudá-lo a decidir rapidamente se deseja ou não comprar o produto.

Outro benefício de comprar óleo CBD de uma marca confiável é que você pode verificar os métodos de extração usados ​​e saber exatamente no que está investindo. Comprometer a qualidade é uma proibição estrita quando se trata de comprar óleo CBD.

ler :  CBD e ansiedade: gerenciamento de estresse

6. Sempre escolha CBD de ervas naturais

Você sabia que o CBD vem em duas formas - uma encontrada nas plantas e a outra na forma cristalizada? Muitas vezes as pessoas não sabem a diferença entre os dois e os benefícios do óleo à base de CBD. Sempre que você comprar óleo CBD, lembre-se dos seguintes pontos e observe (ou pergunte a si mesmo) se o CBD que você escolher é à base de cristal ou vegetal.

a) o óleo produzido a partir de CBD herbal é conhecido por ter maior potência. O óleo CBD feito de dois cristais tem menos potencial porque os cristais são armazenados por muitos anos.

b) O óleo de CBD à base de plantas não contém qualquer tipo de conservante, enquanto o óleo de CBD feito com cristais terá conservantes que podem reduzir seus benefícios potenciais.

c) como o óleo natural de CBD será feito de plantas frescas, ele certamente estará em sua forma mais pura e lhe proporcionará benefícios efetivos.

7. As plantas de cannabis são cultivadas organicamente?

Você já notou que, ao fazer compras, tende a se inclinar para os detalhes nutricionais de tudo que compra? Você também deve considerar o mesmo ao comprar óleo CBD.

Uma das coisas mais importantes a ter em mente é entender como e onde a planta de cannabis foi cultivada. Você deve escolher preferencialmente um que tenha sido cultivado organicamente pela mesma marca. Isso garante que o conteúdo nutricional e a quantidade de CBD na planta sejam maiores do que o que foi cultivado e cultivado com fertilizantes.

Fertilizantes e pesticidas não podem ser removidos simplesmente lavando a planta. Esses produtos químicos têm sérias implicações para o seu corpo em geral devido ao alto teor de pesticidas e fertilizantes presentes na planta.

8. Evite ingredientes desnecessários

Esteja ciente das empresas que vendem óleo CBD com ingredientes adicionados - um sabor distinto, agentes diluentes ou qualquer outro ingrediente suspeito em seus produtos, especialmente aqueles usados ​​para vaporização. Quando cultivado adequadamente e preparado usando técnicas padrão, o óleo CBD não deve exigir nenhum outro agente adicionado - seja para branquear ou dar sabor. Certifique-se de verificar a embalagem para obter essas informações.

Diferentes métodos de extração na produção

O CBD é extraído da planta de cannabis de diferentes maneiras para criar óleo de CBD, e todas as metodologias resultam em um óleo igualmente puro. Algumas marcas comprometem-se com a qualidade dos produtos que usam, resultando em óleo CBD barato que pode causar mais danos do que benefícios.

A maneira como extraem o óleo CBD pode usar solventes como butano ou propano, que podem ser prejudiciais para nós. Produtos feitos com essas metodologias costumam ser mais baratos, mas negam os benefícios do óleo CBD para a saúde.

Óleos de CBD de boa qualidade são normalmente extraídos usando o método de extração de dióxido de carbono, que requer que o CO2 seja colocado sob alta pressão para isolar, preservar e manter a pureza do CBD. Esse processo é mais caro e os produtos também pesam no bolso. Mas a qualidade do produto que você compra é garantida porque este método não envolve o uso de nenhuma substância tóxica.

Usar dióxido de carbono não é a única maneira inofensiva de extrair óleo CBD. Existem também alguns outros métodos que podem fazer o trabalho.

Extração de etanol

O etanol, um álcool de baixo teor, é uma das substâncias mais comuns usadas para extrair óleo CBD usando o método de extração por solvente. Embora o extrato produzido por esse método seja seguro para consumo, ele também contém clorofila, que pode ter alguns efeitos colaterais desagradáveis. A remoção da clorofila por meio da filtragem do extrato reduz a potência do óleo.

Extração de azeite

O azeite de oliva é uma das substâncias mais comuns usadas para extrair óleo CBD em casa. Primeiro, o material vegetal das gotas de orvalho é aquecido por um tempo específico a uma certa temperatura para ativar os produtos químicos na planta. O material é então adicionado ao azeite e aquecido por cerca de uma ou duas horas. O óleo feito com este método deve ser armazenado em local fresco e escuro, pois é altamente perecível por natureza.

Extração de hidrocarbonetos

Método de extração muito popular para extrair canabinóides, como tetrahidrocanabinol (THC) e terpenos de material vegetal de cannabis, solventes de hidrocarbonetos como propano ou butano são usados ​​para fazer óleo de CBD. O extrato de óleo produzido por este método é limpo e contém níveis substanciais de terpenos e canabinóides.

Fabricantes conhecidos geralmente usam técnicas de produção mais limpas que são muito transparentes sobre isso. Se o método de extração não for mencionado na embalagem do produto, na literatura adicional ou na página do produto, você deve ter muito cuidado antes de fazer uma escolha.

Técnicas de teste

Muitos fabricantes de óleo CBD usam diferentes técnicas de teste para determinar a pureza e a potência da pós-produção do óleo CBD. Apenas alguns dos maiores e mais confiáveis ​​fabricantes são conhecidos por fazer isso. Ao comprar óleo CBD, você deve verificar as técnicas que foram utilizadas. Os detalhes das técnicas de teste, bem como a pureza e a potência do óleo canabinoide, estão escritos na embalagem do produto, no site e nos resultados do teste (se aplicável).

Procure a certificação de laboratório GMP

Por último, mas não menos importante, você deve se inscrever para a certificação GMP, que certifica que uma determinada empresa usou práticas de fabricação padrão. Com uma certificação GMP, você pode ter certeza de que está obtendo o óleo CBD da melhor qualidade.

Outro fator importante aqui é que as empresas premiadas com este certificado devem manter um padrão particular para fornecer o produto da melhor qualidade. Simplificando, o certificado GMP parece mais ou menos um selo de autenticação e garantia de que você está consumindo o produto feito por uma empresa confiável e de boa reputação.

Considerações finais

Embora o óleo CBD possa ser obtido legalmente em muitas partes do mundo - seja online ou em lojas de varejo, ainda pode ser difícil para você encontrar um óleo CBD específico que atenda às suas necessidades. Os óleos CBD variam dependendo de como a safra de cannabis foi colhida, força, método de extração, técnicas de teste e como foi armazenada.

Estudos sugerem que as plantas de cannabis cultivadas organicamente dão resultados brilhantes. Antes da extração, a planta de cannabis é submetida a técnicas especiais de teste para garantir a qualidade e o frescor do material a ser usado. Depois de concluída a extração, a potência dos extratos é verificada para que os clientes recebam apenas o produto da melhor qualidade.

Cuidado especial deve ser tomado ao preservar o óleo CBD transparente e de cor âmbar claro. Deve ser armazenado longe do calor e da luz em frascos de cor escura para manter a verdadeira potência do CBD.

É aconselhável fazer uma pesquisa completa e verificar quais empresas são confiáveis ​​para comprar óleo CBD.

Antes de comprar um produto CBD, não verifique apenas a diferença de preço entre duas marcas e compre de uma fonte aleatória e não confiável - só porque é leve no bolso. Somente depois de adquirir produtos de qualidade de CBD de fabricantes confiáveis, ele pode ser incorporado para tratar condições crônicas e melhorar sua saúde geral.

5 coisas que você deve saber sobre o CBD

Novas pesquisas estão surgindo rapidamente com relação a fatos e números sobre o canabidiol. Então, quais são algumas das coisas que você pode não saber sobre nosso composto de CBD favorito?

Descubra as 4 coisas que você precisa saber sobre o CBD.

 E descobrir o quanto você já sabia?

1 - O CBD não se liga aos nossos receptores endocanabinóides

O CBD é um canabinóide interessante porque, ao contrário de seu composto irmão, o THC, que se integra perfeitamente aos nossos receptores CB1, o CBD tem uma afinidade de ligação muito baixa com os nossos receptores CB1 ou CB2. No entanto, estimula esses locais receptores de canabinoides de outras maneiras interessantes.

ler :  Fumar maconha é mais útil do que extratos de CBD para dores nas costas

O CBD aumenta a capacidade do nosso corpo de produzir mais endocanabinóide 1-AG, ao mesmo tempo que inibe a nossa enzima FAAH; uma enzima responsável por quebrar a anandamida, outro de nossos endocanabinóides endógenos que é vital para a homeostase.

Junto com esses dois endocanabinoides cruciais para a homeostase no corpo, a capacidade do CBD de aumentar a quantidade desses compostos naturais ilustra a importância desse canabinoide para a saúde e o bem-estar geral.

2 - O CBD pode interagir com drogas

Muitas pessoas que começam a tomar CBD nos dizem que podem começar a reduzir a quantidade de outros medicamentos. Por mais inacreditável que possa parecer, ouvimos até mesmo que as pessoas poderiam substituir sua medicação anterior apenas pelo CBD.

E embora os estudos forneçam evidências favoráveis ​​a isso, ainda é benéfico consultar o seu médico quando você começar a usar o CBD. Isso se deve à sua potencial interação com uma enzima em nosso corpo chamada enzima CYP450.

Essa enzima é responsável por quebrar, metabolizar e liberar na corrente sanguínea a quantidade necessária, um grande número de medicamentos atualmente no mercado.

Quando essa enzima está "ocupada", os medicamentos em nosso sistema podem não ser decompostos e metabolizados de maneira tão eficiente, resultando em níveis mais elevados desses medicamentos em nosso sistema do que o desejado pelo corpo.

Para simplificar, o CBD (junto com outros compostos encontrados em alimentos como a toranja) pode "ocupar" essa enzima, o que significa que os medicamentos que você está usando podem entrar na corrente sanguínea, sem metabolização e, além disso, em grande quantidade.

A maioria dos médicos recomenda tomar CBD uma ou duas horas após tomar seu medicamento padrão, no entanto, não somos médicos e, portanto, não podemos fazer qualquer sugestão ou recomendação médica, então aqui está um ótimo link. Que lista os medicamentos que requerem o metabolismo da enzima CYP450 , para referência.

Se você estiver preocupado, consulte seu médico e peça-lhe para monitorar os níveis do medicamento no sangue enquanto você aumenta a dose de CBD. Se o seu médico não for receptivo ao CBD, participe de grupos e fóruns online e pergunte a outras pessoas que usaram o mesmo medicamento que você sobre suas experiências de introdução do CBD em seu estilo de vida.

3 - O CBD pode ser mais poderoso com seus arredores

“O efeito entourage” é um conceito bem conhecido no mundo da cannabis medicinal, mas o que é exatamente? O efeito de entourage refere-se aos poderes sutis ou não tão sutis de canabinóides menores, terpenos e flavonóides no corpo.

A pesquisa aqui é limitada, além de controversa, a massa populosa de consumidores de cannabis medicinal, bem como um grande número de pesquisadores e profissionais da indústria, acreditam que o efeito de entourage não é apenas poderoso, mas vital, para obter melhores resultados ao usar medicamentos cannabis ou produtos CBD. Em particular, os terpenos têm sido objeto de consideração cuidadosa no que diz respeito ao seu papel neste “efeito de ambiente”.

Os terpenos são a base da aromaterapia, uma terapia que vem sendo usada há séculos, usando aromas para estimular o sistema olfativo, a parte do cérebro que se conecta ao olfato. Óleos essenciais como lavanda para relaxamento, essência de limão para humor e memória e muito mais. Os terpenos demonstraram ter uma gama de qualidades terapêuticas para o corpo físico, basta dar uma olhada nesta tabela de terpenos e suas qualidades do Steep Hill Labs.

Um estudo foi feito até mesmo em Israel, comparando um extrato de planta inteira para isolar o CBD, que mostrou que o extrato de toda a planta do CBD era "superior ao CBD para o tratamento de doenças inflamatórias". É importante observar aqui que a maioria das doenças e condições tem alguma forma de inflamação.

4- Nem todos os produtos CBD são criados iguais

O CBD é um assunto quente no momento, e às vezes parece que todo homem e seu cachorro estão vendendo produtos com CBD. Com novas empresas surgindo a cada segundo, com tamanhos de garrafa, quantidades e porcentagens confusas de CBD, além de uma ampla gama de ingredientes, como saber o que procurar ao comprar? Comprar um produto de CBD? Formulamos algumas etapas que podem ajudar

passo 1 - É importante certificar-se de que o produto que você está comprando não é derivado de cristais isolados de CBD, que vem com todos os outros compostos naturais, minerais e vitaminas naturalmente presentes na planta de cannabis.

Como mencionado anteriormente, muitas comunidades científicas e medicinais acreditam que o CBD é mais potente junto com sua comitiva de outros canabinóides, terpenos e flavonóides menores, então encontre um extrato de CBD que garanta todos esses compostos no produto final.

Passo 2 - Procure termos como "ambiente completo" ou "espectro total" e fique atento às menções a terpenos e flavonóides. Se o produto que você está comprando mostra apenas a quantidade de CBD e nada mais, é recomendável que você consulte a empresa e certifique-se de que o produto que você está adquirindo é um extrato vegetal.

Passo 3 - fazer - certifique-se de que seu produto é extraído de plantas de cannabis orgânicas. Isso é fundamental porque você não deseja colocar produtos químicos desnecessários em seu corpo, se puder evitar.

Muitas empresas de CBD usam cânhamo cultivado em todo o mundo, onde a poluição, as toxinas do solo e do ar e as bactérias podem contaminar a planta de cannabis, dando-lhe um produto inferior. Portanto, certificar-se de que seu CBD está livre de toxinas, poluição, bactérias e fungos garantirá a você um produto de alta qualidade.

passo 4 - Certifique-se de entender a quantidade de CBD em sua garrafa.

Na maioria das vezes, as empresas colocam grandes números no rótulo frontal da garrafa, levando os clientes a pensar nisso como medidas ou porcentagens de CBD, em vez de talvez o conteúdo líquido total ou o tamanho da garrafa. Muitos consumidores acham difícil calcular a quantidade real de CBD que o produto contém e, se fizerem algumas pesquisas e questionamentos, muitas vezes descobrem que o conteúdo de CBD é muito mais baixo do que pensavam.

Portanto, sugerimos que você faça sua própria pesquisa, faça as perguntas certas e determine de qual empresa comprar. Junte-se a grupos CBD online, no Facebook, por meio de fóruns online e participe da comunidade. As recomendações das pessoas e suas próprias experiências são um ótimo lugar para aprender mais sobre todas as coisas sobre o CBD. Lembre-se de perguntar diretamente à empresa o que é mais importante para você sobre o produto que você compra.

Esperamos que você tenha achado este artigo 5 coisas que você deve saber sobre o CBD interessante e útil! Se você está procurando um extrato de CBD de alta qualidade, orgânico e de espectro completo, verifique nossa loja online aqui ou entre em contato com alguém de nossa equipe de atendimento ao cliente hoje mesmo com qualquer dúvida que possa ter.

A melhor escolha para encontrar óleo CBD de qualidade

Ao longo dos anos, o óleo CBD foi lançado por pesquisadores por seu papel potencial no tratamento de muitas condições de saúde comuns, incluindo doenças cardíacas, depressão e acne. Para pessoas com câncer, o CBD pode atuar como uma alternativa natural para tratar a dor e aliviar os sintomas.

Embora a pesquisa sobre outros benefícios potenciais do óleo CBD à saúde ainda esteja em andamento, muitos novos usos terapêuticos para o presente desta natureza ainda precisam ser descobertos. Apesar do fato de que mais pesquisas precisam ser feitas sobre a eficácia do CBD, a maioria dos estudos indica que ele pode provar ser um tratamento natural poderoso e seguro para vários elementos da saúde.

O CBD como composto tem o potencial de proporcionar alívio a pessoas que sofrem de dor crônica sem causar dependência ou intoxicação. Mas, caso você decida experimentar os produtos de CBD, certifique-se de saber exatamente de onde vêm os produtos, como são feitos e como devem ser usados.


Mestre Weed

O autor Mestre Weed

Emissora de mídia e gerente de comunicações especializada em cannabis legal. Você sabe o que eles dizem? conhecimento é poder. Compreenda a ciência por trás da medicina cannabis, enquanto se mantém atualizado com as pesquisas, tratamentos e produtos mais recentes relacionados à saúde. Mantenha-se atualizado com as últimas notícias e ideias sobre legalização, leis, movimentos políticos. Descubra dicas, truques e guias práticos dos cultivadores mais experientes do planeta, bem como as últimas pesquisas e descobertas da comunidade científica sobre as qualidades médicas da cannabis.